Vinhos do Dão são destaque no concurso Bacchus

A Região Demarcada do Dão, instituída no ano de 1908, foi a primeira região portuguesa demarcada de vinhos não licorosos, também conhecida como a Borgonha Portuguesa. Ela foi reconhecida pelo famoso Concurso Internacional de Vinhos Bacchus, já que uma das garrafas premiadas veio de lá.

O concurso está em sua 17ª edição e a premiação de um dos vinhos da Região do Dão é um ótimo indicativo. A indicação tem a repercussão necessária para, inclusive, potencializar suas vendas e a de outros rótulos que também venham de lá.

O que é o Concurso Bacchus?

Trata-se de um concurso internacional de grande peso para o setor de vinhos, reconhecido por uma série de entidades internacionais, inclusive pela Organização Internacional da Vinha e do Vinho (OIV), que figura entre as mais respeitadas e conhecidas da área.

Os resultados da 17ª edição foram divulgados dia 13 de março. Há três medalhas que são distribuídas pelo concurso: a “Grand Bacchus de Oro”, a “Bacchus de Oro” e a “Bacchus de Plata”. No total, dezesseis vinhos portugueses foram premiados.

Entre os listados, apenas um recebeu a grande medalha de ouro, enquanto três ficaram com a medalha de ouro e doze com a de prata. O Casa de Santar Reserva Branco, da colheita de 2016, ganhou na primeira categoria.

Um fato interessante é que, ainda que se trate de um vinho que foi premiado, seu valor é de 10 euros, o que permite que seja degustado por todos os amantes de vinhos sem que precisem pagar uma quantia muito alta.

O Cabriz Reserva 2018 e  o Quinta do Cerrado Reserva 2016 tinto foram dois vencedores da segunda categoria, além do Alvarinho Deu-La-Deu Reserva 2016.

Chegou-se à conclusão dos vencedores depois de quatro dias de provas cegas, entre 8 a 11 de março, que ocorreram na cidade de Madrid. Participaram 1.500 rótulos de todo o mundo, os quais foram avaliados por mais de 100 especialistas, tais como jornalistas especializados, produtores e sommeliers famosos.

O ano de 2019 foi o primeiro em que o concurso ocorreu em Madrid. Um dos técnicos do Instituto do Vinho, do Bordado e do Artesanato da Madeira participou do júri do concurso e, de acordo com o jornal El Español, o critério mais importante para a seleção foi a procura por rótulos equilibrados.

Os dezesseis rótulos que foram escolhidos no concurso, com destaque para um dos grandes ganhadores, são provas inquestionáveis de que os vinhos portugueses possuem ótima qualidade e são apreciados em todo o mundo.

É por isso que sua procura é tão intensa, já que Portugal, ainda que possua uma extensão territorial pequena, se consolidou como um dos grandes produtores mundiais de vinhos. Prova disso é a exportação do produto, que, de acordo com a OIV, atingiu quase 800 milhões de euros apenas no ano de 2017.

Quem deseja comprar vinho online e encontrar os melhores rótulos portugueses pode contar com a Eno Gourmet Premium. É possível encontrar variáveis para todos os gostos e preferências, além de opções que cabem no bolso e trazem a riqueza enóloga característica do país português.

Saiba Mais: divulgador de links / Tema do release / Como fazer um release

Deixe uma resposta