Porto de Santos bate recorde em movimentação de cargas no mês de agosto com aumento de 4%

A Companhia Docas do Estado de São Paulo (Codesp), por meio de uma pesquisa, mostrou que o Porto de Santos, no litoral paulista, teve a maior movimentação de cargas durante o mês de agosto. Os dados apontam que houve 4% de aumento em comparação ao ano passado. Foram 12.482.543 toneladas somente no mês de agosto, o que representa 1,1% a mais em relação ao alcançado no mesmo mês em 2017.

Nas mercadorias descarregadas o aumento foi de 8,8%, enquanto que nas cargas embarcadas houve uma redução de 1,6%. Já a soja em grão a granel e a celulose aumentaram 201,7% e 71,4%, respectivamente, na comparação com agosto de 2017. Nos períodos de janeiro a agosto deste ano, a movimentação foi de 85 milhões de toneladas, o que resultou em um aumento de 4%.

O aumento nas cargas de desembarque foi de 8,5% e, nas de embarque, 2,2% em relação a agosto de 2017. O aumento no embarque de celulose ocupa lugar de destaque, com 46,1% de crescimento, assim como o desembarque de sucos cítricos, que cresceu 20,6%.

A pesquisa mostra que as cargas de contêineres alcançaram um total de 4.334 milhões de toneladas, 10,3% a mais em relação ao mês de agosto de 2017.

Em termos de quantidade, foram movimentados 387.791 TEUs (Twenty-foot Equivalent Unit, unidade equivalente a 20 pés), com avanço de 14,6%. Entre os meses de janeiro a agosto, foram registrados 29.995 milhões de toneladas, aumento de 5,3% em comparação ao mesmo período do ano passado, e 2.736 milhões de toneladas, sendo 11,1% a mais.

Mesmo com o aumento na movimentação de cargas por tonelada, o fluxo dos navios teve redução de 7,5% no mês de agosto. No geral, 393 embarcações ancoraram no Porto de Santos, 32 navios a menos em relação ao mesmo período do ano anterior. No ano de 2018, o total foi de 3.247 navios atracados no cais santista.

De acordo com os dados da pesquisa, o envolvimento do Porto de Santos em relação ao comércio exterior foi de 24,3% no geral a nível Brasil, alcançando o valor de US$ 68,2 bilhões nas cargas de longo curso que movimentaram pelo complexo. As importações por meio de Santos atingiram US$ 33,2 bilhões, com 27,4% do total nacional, e US$ 7,03 bilhões em valor comercial das cargas do mercado externo.

A importância de investir em novos equipamentos para aumentar a competitividade

Ao investir em equipamentos novos e de boa qualidade, o gestor estará trazendo para a sua empresa ótimos benefícios, principalmente se o objetivo for o de aumentar a competitividade e alcançar melhores resultados.

Com maquinários novos é possível atrair novos clientes e garantir a fidelidade dos que já existem. Isso acontece porque equipamentos atuais e de boa qualidade ajudam na redução de falhas e contribuem no processo de aumento da produtividade.

Empresas que trabalham com o transporte de cargas precisam investir em equipamentos eficientes, que sejam capazes de suportar a atividade para a qual eles estão destinados.

A Polifitema é uma empresa que trabalha com os mais sofisticados equipamentos de proteção individual e coletiva, como o gancho para amarração de cargas, entre vários outros equipamentos e acessórios, todos da mais alta qualidade, de modo a atender plenamente a todas as expectativas dos clientes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *