Fim de ano aquece o setor de restaurantes, crescimento pode chegar a 4,5% neste período

Segundo Paulo Solmucci, presidente da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel), devido à chegada do fim de 2018, o setor poderá ter um avanço de 4,5% nas vendas. De acordo com Solmucci, o avanço de 2017 no segundo semestre se deu de modo mais vigoroso.

O presidente ainda afirma que, atualmente, em média, 28% das organizações dizem estar operando com prejuízo. No auge da crise que ocorreu no segundo semestre do ano de 2015, o percentual chegou a 39% no Brasil.

Para Paulo, 2018 será um ano marcante para o setor, pois, sem contar o forte crescimento, alguns problemas foram solucionados como, por exemplo, o da gorjeta, que transmitia muita insegurança ao segmento. Ele cita a importância da adoção de trabalhos intermitentes, regulamentados pela nova legislação trabalhista.

De acordo com Solmucci, os aplicativos contribuem bastante com as entregas. Atualmente, 40% das instituições brasileiras desenvolvem atividades de delivery. A terceirização é outro fator que contribui no crescimento desse tipo de prestação de serviço.

Diante da análise do presidente da Abrasel, o recinto de regulação oportuno torna melhor todo o trabalho, principalmente para o cliente, que adquire mais opções e comodidade. Ele acredita que a rentabilidade está retornando e esclarece que o habitual é uma lucratividade de 10% da receita, o que faz com que 61% das organizações lucrem abaixo da meta esperada.

Trabalho intermitente poderá contribuir para 2 milhões de oportunidade de novos empregos

 Segundo o presidente, o trabalho intermitente poderá ajudar na geração de 2 milhões de empregos nos próximos cinco anos. Já para 2018, a expectativa é de 300 mil novos postos. Ele ainda ressalta que muitos estarão de acordo com a formulação dos trabalhadores informais.

Ele deixa claro que se trata de um movimento que vem acontecendo em diversos lugares no Brasil e afirma com convicção que continuará crescendo, pois essa fase poderá ter 100% das instituições trabalhando com mão de obra formal, o que não acontecia antes, sem a atividade intermitente, principalmente no setor de buffets.

Segundo Solmucci, todo esse acontecimento terá um grande impacto para os trabalhadores, empregadores e consumidores, pois a reforma trabalhista e a tecnologia com seus grandes avanços estão soando de forma bastante positiva. Ele confirma que haverá crescimento da formalização e expansão das oportunidades de trabalho.

Considera-se que no Brasil haja uma média de 1 milhão de negócios nesse segmento, levando em consideração bares e restaurantes, entre outros. Dentre esses, estima-se que, aproximadamente, 650 mil sejam informais.

Para a formalização do setor de bares e restaurantes, existe um processo complexo que, por sua vez, gera mais de 6 milhões de vagas de trabalho direto.

É muito importante que os estabelecimentos desse setor apostem continuamente em infraestrutura, principalmente na qualidade dos alimentos que serão oferecidos ao consumidor e na comunicação visual, que devem estar sempre atentos e preparados, disponibilizando mais conforto e praticidade aos seus clientes.

A Menuart é uma empresa que atua há mais de 20 anos no mercado e conta com uma linha de produtos de ótima qualidade para diferentes tipos de estabelecimentos, ofertando soluções que adaptam a criatividade e a eficácia por meio da utilização da mais alta tecnologia, transformando seus cardápios e outros produtos e elementos exclusivos para melhor atender a todos os seus clientes.

Saiba Mais: divulgador de links / Tema do release / Como fazer um release

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *