Pesquisa mostra que 73,4% dos brasileiros jogam jogos eletrônicos

Os jogos eletrônicos nunca estiveram tão em alta no País. De acordo com a 7ª edição da PGB (Pesquisa Game Brasil), realizada em 2020, 73,4% dos brasileiros passam algum tempo em jogos eletrônicos, o que indica aumento de mais de 7% em comparação a 2019. O crescimento já havia sido previsto, tendo em vista o consumo dos eSports (alta de 6,7%) e o fato de que o isolamento social decorrente da pandemia do novo coronavírus abriu espaço para pessoas jogarem diariamente.

O perfil do gamer brasileiro

De acordo com a PGB, o perfil do gamer brasileiro, em maior parte, é composto por adultos de 25 a 34 anos (33,6% do total). Os mais jovens, dos 16 aos 24, ocupam a segunda colocação (32,5%). Em relação ao sexo biológico, a grande surpresa ficou com o dado de que 53,8% dos gamers brasileiros são mulheres.

O levantamento de dados também mostrou que os gamers brasileiros tendem a se dividir em duas categorias. São elas: os que se consideram gamers (33,5%) e os que não se consideram (67,5%). Os considerados gamers “casuais” são aqueles que possuem o hábito de jogar, porém com menos frequência (ou menos horas por dia), enquanto os gamers “hardcore” são aqueles que veem os jogos eletrônicos com um papel de destaque em seus hábitos de consumo.

Gamers casuais e gamers hardcore

Por um lado, as mulheres lideram entre os gamers casuais, com participação de quase 62%. Os homens, por outro lado, estão mais presentes na categoria hardcore, sendo mais de 61%. Ainda que o gamer hardcore represente uma fatia menor da população de jogadores, as pessoas que se encaixam nesse patamar são muito mais engajadas e permanecem por volta de 3 horas nas plataformas online todos os dias.

Boa parte dos gamers compra, em média, três jogos por ano, mas, em 2019, mais de 22% dos hardcore compraram mais de dez jogos em plataformas de videogames. Entre os jogadores casuais, ainda que o estudo tenha observado frequência de tempo em jogos em torno de uma vez por semana (em partidas que duram até 1 hora), a participação deles também é significativa, já que compram cerca de três jogos ao longo do ano.

Categoria mobile está em constante ascensão entre gamers

O Brasil tem cerca de 220 milhões de smartphones, de acordo com dados da Fundação Getúlio Vargas (FGV). É óbvio pensar que esses aparelhos estão se tornando cada vez mais presentes e indispensáveis, e isso refletiu nos hábitos de consumo dos gamers. Hoje, o celular é a plataforma mais utilizada no País para se jogar, com quase 87% de preferência entre os jogadores, segundo a PGB. Os consoles ficam em segundo lugar, com 43% de prioridade, e o computador, em terceiro, com 40,7%.

Jogos eletrônicos conquistam visibilidade e se tornam pauta importante de notícias

Quem é gamer ou se interessa por jogos eletrônicos está sempre em busca de notícias e novidades do segmento. Hoje, há diversas plataformas que veiculam tudo sobre eSports, sendo o Universo de Negócios uma das melhores opções de divulgador para publicar releases e outros materiais de relevância sobre o assunto. Pelo Universo de Negócios, além de publicar release, é possível também acompanhar notícias sobre o que acontece no Brasil em relação a diversos segmentos e negócios.

Encontre publicações de diversos segmentos e nichos só aqui no portal Universo de Negócios!