Mulher com inteligência emocional no trabalho.

Descubra o que é inteligência emocional e sua importância

Você sabe lidar com suas emoções e com as emoções das pessoas que estão à sua volta? Saiba que ter uma boa inteligência emocional é algo que está relacionado a um maior sucesso pessoal, e até mesmo profissional, pois em todas as áreas da vida precisamos gerenciar emoções, sejam elas internas ou externas.

Por isso, diante da importância desse assunto, decidimos trazer um conteúdo que fala especificamente sobre o que é inteligência emocional.

Assim, entenda melhor esse conceito, veja como ele é essencial no mercado de trabalho e confira algumas dicas para você trabalhar a sua inteligência emocional. Boa leitura!

O que é inteligência emocional?

A inteligência emocional (IE) é a habilidade de conhecer os próprios sentimentos e ter o domínio para gerenciá-los, para que eles sejam expressos da forma mais adequada possível. Essa é a definição do psicólogo Daniel Goleman, autor do livro “Inteligência Emocional”, que não foi o criador do conceito, mas o responsável por popularizá-lo.

Segundo o autor, a IE se baseia no conjunto de 5 competências:

  • Autoconsciência: capacidade de reconhecer as emoções individuais;
  • Autorregulação: capacidade para lidar com essas emoções;
  • Automotivação: capacidade de estar e se manter motivado;
  • Empatia: capacidade de visualizar as situações pelo ponto de vista das outras pessoas;
  • Habilidades sociais: reunião de capacidades necessárias para a interação social.

Importância da inteligência emocional

A importância da inteligência emocional é enorme, pois é por meio dela que as pessoas se tornam sensíveis para identificar e compreender as emoções, tanto as próprias, quanto as de outros indivíduos.

A partir disso, as relações interpessoais se baseiam em maior flexibilidade e empatia, o que é essencial no cotidiano íntimo, pessoal e até mesmo profissional.

Afinal, é por ela que se torna possível lidar de uma forma melhor com as mais variadas situações – principalmente com conflitos.

Inteligência emocional e o mercado de trabalho

Mais precisamente no mercado de trabalho, a IE é essencial para o enriquecimento pessoal do profissional, e essa uma característica considerada cada vez mais importante em uma carreira.

Nesse sentido, um profissional com IE consegue gerir melhor os conflitos inevitáveis em qualquer ambiente, facilitando o trabalho em equipe. Além disso, no mercado de trabalho, a IE é essencial para:

  • Manter uma comunicação mais assertiva;
  • Evitar descontroles emocionais;
  • Tomar decisões com mais facilidade;
  • Melhorar o clima organizacional;
  • Elevar a produtividade;
  • Construir lideranças carismáticas, e não opressoras;
  • Diminuir os níveis de estresse;
  • Construir relacionamentos positivos e saudáveis com os outros profissionais;
  • Reconhecer-se enquanto profissional.

Como desenvolver?

Um fato muito interessante em relação à inteligência emocional é que ela pode ser desenvolvida, ao contrário de diversas outras habilidades que são quase impossíveis de serem modificadas.

Porém, isso não acontece em pouco tempo, sendo fruto do desenvolvimento e do aprimoramento ao longo de toda a vida. Portanto, algumas dicas podem ajudar quem deseja desenvolver a IE, como:

  • Aprender a dar nome e a identificar as emoções que você sente;
  • Construir formas eficientes de lidar com as emoções, como, por exemplo, pensar antes de realizar uma ação;
  • Aprender a identificar e reconhecer os pontos em que você precisa melhorar;
  • Treinar a comunicação assertiva;
  • Aprender a receber feedbacks de maneira construtiva;
  • Reconhecer suas falhas e saber repará-las;
  • Aprender a gerir conflitos interpessoais e internos;
  • Aprender a aceitar que o que é externo não está ao seu controle.

Essas são algumas dicas que podem te ajudar a desenvolver e a trabalhar sua IE, agora que você já sabe como ela é importante e que precisa dela em todos os aspectos da sua vida.

Já conhece o Universo de Negócios? Navegue pelo nosso site e saiba como publicar release!

Confira também: Os livros mais vendidos no mundo | 9 tipos de inteligência

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

COMPARTILHAR