Dados apontam que as vendas de carros cresceram 81% na primeira quinzena de junho

Com um distanciamento mais controlado, a abertura de concessionárias e dos Detrans aconteceu nas maioria das cidades do Brasil, o que contribuiu para uma retomada progressiva da venda de veículos no país. 

A oferta de facilidades de financiamentos, promoções e pagamentos de prestações mais baixas também teve influência sobre o aumento das vendas. As vendas registradas na primeira quinzena do mês de junho mostra que houve um crescimento significativo, aproximando-se bastante do resultado total alcançado em maio.

As vendas dos primeiros 15 dias de junho tiveram crescimento de 81% na comparação com o mesmo período do mês de maio, e 151,7% em comparação com o mesmo período de abril. Esse é o primeiro mês, após o início da quarentena, considerado cheio, no entanto, esses números não mostram o real comportamento do mercado. A realidade é que houve uma inflação pela retomada dos licenciamentos realizados no Detran de São Paulo, visto que eles estavam fechados.

Situação da indústria automobilística frente à pandemia da covid-19

Entre as montadoras, a General Motors e o Chevrolet Onix continuam mantendo sua liderança de cinco anos, ficando entre os carros mais vendidos no Brasil. A surpresa deste ano foi o salto dado pela Chevrolet Tracker, que saiu do 11° para o 3° lugar, liderando novamente os modelos esportivos.

Na última quinzena de junho, o número de vendas foi de 47,25 mil automóveis e comerciais leves. Os dados divulgados pela Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave) no dia 16 de junho mostrou que os primeiros dias do mês tiveram melhor desempenho em comparação a maio. A média de vendas ultrapassou 81%, com 4,29 mil unidades, o número, no entanto, ainda continua longe da realidade antes da covid-19.

O ranking das 10 marcas de carros mais vendidas

As primeiras posições no ranking continuam as mesmas. A seguir, a lista com a posição, marca e número de vendas: 

1° GM:  8.114;

2° Volkswagen: 7.790;

3° FIAT: 5.864;

4° Hyundai: 4.801;

5° Renault: 3.871;

6° Ford: 3.303;

7° Toyota: 3.209;

8° Jeep: 2.437;

9° Honda: 8.421;

10° Nissan: 1.612.

A GM continua na liderança do ranking, com, aproximadamente, 17,2% de participação. A líder é seguida pela Volkswagen, com 16,5%, e pela Fiat, com 12,4% de participação. 

A expectativa é que, com o passar dos meses, as vendas voltem a crescer, principalmente para as concessionárias que vendem carros usados em perfeito estado, uma vez que oferecem uma qualidade equivalente a dos carros novos ou semi-novos por um valor mais acessível. 

Anuncie seu carro no Comprecar

Com os número de venda de carros subindo, cresce também a procura por sites e empresas confiáveis que possam anunciar veículos usados em perfeito estado. A tendência é que o mercado melhore ao longo dos próximos meses. 

A plataforma Comprecar é especializada em comprar e vender carros usados pela internet. Além de ser um site amplamente utilizado por lojistas, o público conhece o Comprecar como referência de boas ofertas e negócios, sendo o site que as pessoas acessam não apenas quando precisam vender seu carro, mas também quando querem comprar.

Avatar

Encontre publicações de diversos segmentos e nichos só aqui no portal Universo de Negócios!