Segundo pesquisa, Black Friday pode ter crescimento de 18% no faturamento no e-commerce

A estimativa prevista pela ABComm (Associação Brasileira de Comércio Eletrônico) é de que haja um crescimento de 18% no faturamento do comércio eletrônico durante o período da Black Friday de 2019 em comparação com o ano passado. Espera-se que o e-commerce venda um total de R$3,45 bilhões nos últimos dias de novembro. 

No ano passado (2018), durante o mesmo período, de um total de 10 dos mais renomados varejistas, 9 registraram aumento em suas vendas. Analisando o varejo em sua totalidade, as vendas subiram em média 23% do ano de 2017 para 2018. Assim, obteve-se um faturamento que movimentou cerca de R$2,6 bilhões. Quanto ao valor médio por compra, também sofrerá aumento, ficando em torno de R$340. 

Os dados apresentados foram fornecidos e levantados pela ABComm em parceria com a Klooks, uma plataforma de Big Data especializada em inteligência financeira corporativa. 

Quais serão os produtos mais procuradas na Black Friday deste ano? 

Segundo informações levantadas pela LeadMidia, o que o consumidor procurará mais pelos produtos com preços mais altos. Isso vai acontecer em decorrência de a maioria das pessoas estarem esperando a data para comprar exatamente aquilo que possui preço mais elevado, esperando que esteja mais em conta. Dessa forma, a quantidade desembolsada pode ser até maior, uma vez que o consumidor tem a chance de levar mais coisas para casa usufruindo das promoções e descontos. Contudo, isso só vale para quem sabe esperar até novembro, mês em que acontece a Black Friday.

O produto que continua liderando as compras é o Smartphone, sendo o produto mais procurado durante a Black Friday. As estatísticas apontam que 37% dos consumidores pretendem adquirir um celular novo, 36% tem a intenção de comprar um eletrodoméstico e 29% pretendem comprar aparelhos de televisão.

Uma pesquisa realizada pela Ebit/Nielsen mostrou que 44% dos entrevistados vão aproveitar a data para adquirir os presentes de Natal dos familiares, sendo 3 pontos percentuais a mais do que a pesquisa realizada em 2018.

Outro levantamento importante diz respeito à origem dos produtos adquiridos. Nos primeiros 11 dias do mês de novembro, 52,8% dos pedidos foram feitos em e-commerces do país, a maioria por meio dos Smartphones, seja pelos aplicativos ou via navegadores. 

Vendas por região 

A LeadMidia também levantou dados sobre a intenção de compra por região, realizando uma pesquisa que mostrou os números em relação a esse quesito. A região Sudeste continua na liderança no que diz respeito às vendas no período da Black Friday. A estimativa é de que cerca de 61% do faturamento gerado pela data venha dessa região. 

A região que apresentou maior crescimento de vendas durante o período da Black Friday deste ano foi a região Nordeste, possuindo a maior participação estimada, chegando a 14%. 

E-Commerces precisam se destacar durante a Black Friday 

É muito importante que o e-commerce esteja preparado para atender ao consumidor durante o período da Black Friday, com descontos imperdíveis e promoções chamativas. Investir no Marketing Digital é uma opção que precisa ser colocada em prática para chamar a atenção de quem busca informações sobre a data e do que adquirir. Dessa forma, o consumidor, além de obter informação, sai do site com uma compra efetuada.  

Conte com uma Agência de Marketing Digital com consultoria em SEO e melhore o desempenho do seu e-commerce

A Consultoria Digital é uma agência de marketing digital que oferece aos seus clientes consultoria de marketing digital para promover a otimização de sites que um e-commerce precisa para se consolidar no mercado. 

A agência ainda conta com projetos de consultoria de marketing digital para pequenas empresas e consultoria em SEO para tornar o site mais relevante no ranking de pesquisas realizadas em páginas de buscas, como o Google.

Avatar

Encontre publicações de diversos segmentos e nichos só aqui no portal Universo de Negócios!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *