Pesquisa mostra que e-commerce cresceu 10% durante a “Semana do Brasil”

Com o intuito de movimentar e fazer crescer o comércio, assim como alavancar o turismo, o governo brasileiro criou a “Semana do Brasil”, que aconteceu entre os dias 6 e 15 de setembro deste ano. 

O movimento é uma junção do poder público com as instituições privadas, para que haja uma massa maior de oportunidades para quem produz e para quem consome, além de exaltar a nossa nacionalidade. Dessa forma, foi desenvolvida uma espécie de Black Friday brasileira, oferecendo aos consumidores preços promocionais e diferenciados. 

Resultados da “Semana do Brasil”

Nos quatro primeiros dias da semana do Brasil, sendo do dia 6 ao dia 10 de setembro, o faturamento do comércio eletrônico chegou a R$ 1,1 bilhão, equivalente a 37,6% a mais que o mesmo período do ano passado (2018). Os dados foram divulgados pela Compre&Confie, empresa de inteligência de mercado, que verificou mais de 80% dos pedidos realizados pela internet no país. 

A Compre&Confie estimou um crescimento de 8% a 10% no e-commerce na “Semana do Brasil”. Desse valor, é deixando de fora o crescimento estimado do varejo caso não existisse essa ação. A comparação feita entre a semana anterior à da “Semana do Brasil” mostrou que houve 18,1% a mais de pedidos online e o faturamento aumentou 21,2%. Isso somente nos primeiros quatro dias da Semana. 

A “Semana do Brasil” teve fim no último dia 13 de setembro. Foram mais de 3600 empresas cadastradas junto ao governo, que participaram da nova ação adotada pelo país. Varejistas como bancos, locadoras e empresas de diversos segmentos e setores aderiram à novidade. 

Fatores importantes a serem considerados  

De acordo com o diretor-executivo da Compre&Confie, algumas questões precisam ser levadas em consideração durante a análise dos números apresentados. Mesmo com a nova ação que resultou em um crescimento de 40% nas vendas, é importante levar em conta que o comércio eletrônico já estava em crescimento médio de 20% em 2019. Lembrando que o feriado do ano passado deve ser levado em conta, já que também contribuiu para o baixo número de compras online. 

Os números foram bastante positivos, mesmo não superando a Black Friday tradicional, outra data desenvolvida pelo varejo e que vem acontecendo anualmente na quarta sexta feira do mês de novembro. A data resultou em um movimento de 2,9 bilhões de reais no comércio eletrônico em 2018, de acordo com dados da Compre&Confie. 

O ticket médio apresentado entre os dias 6 e 10 de setembro, na “Semana do Brasil”, foi cerca de 410 reais, sendo R$ 195 a menos que a Black Friday do ano passado, que foi de R$ 600. 

Conte com uma Agência de Marketing Digital e melhore o desempenho do seu e-commerce

A Consultoria Digital é uma agência de marketing digital que oferece aos seus clientes consultoria de marketing digital para prover a otimização de sites que um e-commerce precisa para se consolidar no mercado. 

A agência ainda conta com projetos de Consultoria de SEO para pequenas empresas e ferramentas para tornar o site mais relevante no ranking de pesquisas realizadas em páginas de buscas, como o Google.

Avatar

Encontre publicações de diversos segmentos e nichos só aqui no portal Universo de Negócios!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *