Mães: tratamentos estéticos são fortes aliados após o parto

O momento da gestação é único e maravilhoso para todas as mamães. Afinal de contas, elas carregam uma nova vida – ou mais, no caso de gêmeos – em seu ventre, algo que não poderia ser mais especial. Porém, junto com este momento incrível, também é comum que o corpo da mulher mude bastante, já que os hormônios ficam realmente à flor da pele e, assim, é possível perceber a mudança em todo o corpo, da cabeça aos pés.

Por estes pontos, muitas mulheres procuram por procedimentos que possam deixá-las ainda mais bonitas. Contudo, é fundamental redobrar os cuidados na etapa da gestação, pois a saúde da mulher precisa estar intacta para que o bebê também possa se desenvolver com toda a saúde possível. Existem alguns procedimentos não-cirúrgicos que podem ser realizados nessa época e que fazem muito bem às gestantes, mas que não causam nenhum tipo de complicação aos bebês. Assim, pode se considerar uma menor preocupação e aumento da autoestima.

Tratamentos estéticos não-cirúrgicos ideais para a gestação

De acordo com o Censo 2016, da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP), a procura pelos procedimentos não-cirúrgicos aumentou 390% em dois anos, o que é um aumento muito significativo. Isso acontece porque é cada vez maior o número de mulheres que desejam ficar mais belas sem terem que se submeter a procedimentos invasivos, cuja recuperação é mais complicada, ainda mais quando se está em período de gestação.

Mesmo nos procedimentos mais simples e que não apresentam qualquer risco ao bebê, o mais seguro é sempre aguardar a passagem do primeiro trimestre da gravidez, que é um período reconhecido como o mais crítico. Dessa forma, evita-se estresse desnecessário e, assim, a mulher consegue ter uma gestação mais saudável e segura. Entre os procedimentos não-cirúrgicos e tratamentos estéticos que podem ser realizados na gestação, alguns dos principais são os seguintes:

Celulite e gordura localizada

Os tratamentos contra esses dois efeitos podem ser realizados sem maiores problemas durante a gestação, já que são feitos através do ultrassom terapêutico de alta potência que, em associação à corrente adequada, pode auxiliar as mulheres a obterem uma silhueta mais definida.

Limpeza de pele

É comum que a pele da mulher esteja um pouco mais sensível nesse período e, portanto, a limpeza de pele pode causar uma irritação um pouco maior, mas o procedimento pode ser realizado tranquilamente. Uma boa sugestão é não fazer uso de substâncias muito fortes, para que a pele não fique demasiadamente irritada. Porém, o processo pode deixar a pele bem mais linda, limpa e hidratada.

Drenagem linfática

A drenagem é uma alternativa, já que a retenção de líquidos na gravidez é um problema que pode acontecer. A drenagem é muito segura e pode ser realizada pelas gestantes que desejam combater o acúmulo de líquidos no corpo.

E depois da gestação?

Depois da gravidez, uma das maiores preocupações das gestantes com o seu corpo é em relação à barriga. Neste caso, uma opção de procedimento é o tratamento de gordura localizada, realizado através da criolipólise. Podendo haver a diminuição do excesso de gordura e obter um resultado muito satisfatório.

A criolipólise visa à redução da gordura e à melhora do contorno corporal através de uma técnica não-invasiva, podendo trazer um melhor aspecto à gestantes, tanto para as que já passaram pela gestação quanto àquelas que ainda não vivenciaram este processo.

A HS Med é uma empresa que oferece o aparelho de criolipólise, capaz de superar todas as expectativas das gestantes e garantir que elas estejam ainda mais lindas, contribuindo com seu bem estar e auto estima, além da nova companhia do novo integrante da família.

POsts Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *