Dados apontam que e-commerce cresceu 112,8% no Dia dos Namorados

O Dia dos Namorados não foi esquecido pelos casais, mesmo em meio à pandemia do novo coronavírus. De acordo com levantamento feito pelo movimento de inteligência de mercado, Compre & Confie, que trata especificamente sobre e-commerces, foram efetuadas 15,8 milhões de compras pela internet entre os dias 28 de maio e 12 de junho. Isso representa um crescimento de 112,8% em comparação ao Dia dos Namorados de 2019. As compras alcançaram um faturamento de, aproximadamente, R$ 6,4 bilhões.

De acordo com o Movimento Compre & Confie, após a chegada da pandemia ao País, e o consequente isolamento social, a maioria dos consumidores precisou mudar os hábitos de consumo para adquirir produtos. O comércio eletrônico, então, se tornou a solução mais viável para lidar com a situação. No Dia das Mães deste ano, por exemplo, o crescimento nas vendas online também foi significativamente alto, chegando a um patamar que ultrapassou o dobro dos pedidos feitos em 2019.

Moda e Acessórios foi categoria mais vendida no Dia dos Namorados de 2020

O estudo da Compre & Confie mostrou que, de todas as categorias analisadas, a mais vendida foi “Moda e Acessórios”, seguida por: “Entretenimento”, “Artigos para Casa”, “Beleza & Perfumaria” e “Informática & Câmeras”. Com relação à faixa etária, pessoas entre 36 e 50 anos foram as que mais compraram em volume (cerca de 34% do total), seguidas pelo público de 26 a 35 anos (31,7%). Pessoas de até 25 anos (19% do total em volume de compras) vieram logo depois, e, por último, estão os consumidores acima dos 51 anos (15,4%).

A região Sudeste foi a principal responsável pelas vendas, representando quase 67% de tudo o que foi adquirido pela internet no período compreendido, seguida pela região Nordeste (14,4%), Sul (11,5%), Centro-Oeste (5,3%) e, por fim, região Norte (2,1%).

Previsão é de consolidação das vendas via e-commerce mesmo após término da pandemia

A previsão da Compre & Confie é de que, mesmo após o término da pandemia, as vendas feitas via e-commerce sigam acima dos resultados de anos anteriores, e isso porque, cada vez mais, o consumidor tem migrado para o ambiente online. Concomitante a isso, há um crescimento de categorias de produtos sendo vendidos pela internet que, até pouco tempo, eram mal exploradas.

Crescimento de vendas online vem acompanhado de mais tentativas de fraudes

Simultaneamente ao aumento das vendas, houve também crescimento nas tentativas de fraude. Segundo a empresa ClearSale, pioneira em soluções antifraude para vários segmentos, no Dia dos Namorados, os prejuízos evitados com possíveis fraudes chegaram a R$ 77,4 milhões, valor bem maior ao registrado no Dia dos Namorados do ano passado.

O País está vivendo um momento no qual inúmeros varejistas estão migrando para o ambiente virtual, até mesmo os pequenos, sendo que esse movimento acabou sendo acelerado pelo fechamento do comércio imposto pela quarentena. Todos esses empresários (pequenos, médios e grandes) precisam ficar atentos quanto ao risco de fraude em transações online.

Público masculino pode comprar cueca e outras peças pela internet

Graças à consolidação do e-commerce como forma eficaz de adquirir produtos sem ter que sair de casa, hoje o público masculino pode comprar cuecas, roupas e acessórios pelo ambiente virtual.

A Cueca Store é uma loja de roupas masculinas na qual é possível comprar cueca, sunga, pijama masculino, meia masculina e outros produtos para homens sem ter que sair de casa. Ao navegar pelo site, é possível conhecer a loja e fazer compras pela internet com conforto e segurança.

Veja mais: ​ PS5 ​ – ​ Tendência Festa Infantil 2020​ – ​ Bloqueio Criativo

Avatar

Encontre publicações de diversos segmentos e nichos só aqui no portal Universo de Negócios!