A Black Friday 2018 contribuindo para o e-commerce

Presente no calendário do comércio brasileiro desde 2011, a Black Friday já é considerada a segunda data mais expressiva do varejo no país, ficando atrás apenas do Natal. O evento acontece uma vez ao ano, mais especificamente na quarta sexta-feira do mês de novembro, mas a movimentação do mercado e dos consumidores começa até mesmo meses antes.

Segundo dados fornecidos pelo Google, entre os meses de agosto a início de outubro, as pesquisas sobre a Black Friday registraram um crescimento de 14%, em comparação com o mesmo período do ano passado. Já em relação a 2016, o número subiu para 57%.

De acordo com estudos de mercado, os eletrônicos e eletrodomésticos são os produtos mais procurados pelos consumidores, mas as ofertas não param por aí: é possível encontrar descontos nos mais diversos produtos, como calçados, livros, roupas, cursos, passagens aéreas, hospedagens, e até mesmo restaurantes e supermercados.

E-commerce

Em 2017, o faturamento da Black Friday no e-commerce foi de R$ 2,1 bilhões para o e-commerce, um crescimento de 10,3% diante do R$ 1,9 bilhão registrado no mesmo período do ano anterior. Esse levantamento se refere à véspera e ao dia do evento, em que o número de pedidos subiu de 2,3 milhões para 3,76 milhões, em comparação com 2016.

Vale ainda ressaltar que o ticket médio de compras superou os R$ 500,00, uma comprovação de que os clientes aproveitam essa data para investir em produtos mais caros, como, por exemplo, celulares e eletrodomésticos.

Toda essa movimentação também contribuiu para que a fama da data crescesse entre os consumidores. De acordo com uma pesquisa divulgada pela imprensa, em 2014, apenas 24% dos brasileiros das classes A, B e C tinham conhecimento sobre a Black Friday. Agora, esse número chegou a um patamar superior a 90%.

Além disso, um estudo realizado pela SPC Brasil e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas apontou que 60% dos brasileiros pretendem comprar algum produto durante a data em 2018. Para muitos clientes, o consumo médio pode ser de até R$ 1.146, principalmente utilizado para a compra de equipamentos eletrônicos e também roupas e calçados.

 Desafios 

Contudo, apesar de o evento se desenvolver cada vez mais em popularidade, ainda existe um caminho a ser feito para conquistar a confiança do consumidor. Afinal de contas, as promoções, muitas vezes, oferecem descontos muito altos, o que gera uma certa insegurança sobre a integridade das lojas e a validade das ofertas.

Por isso, é importante que os clientes verifiquem a procedência dos produtos e tomem cuidado com promoções on-line em sites suspeitos e que não possuam referências.  Até mesmo em lojas físicas, é importante ficar atento a golpes e atitudes suspeitas.

Além disso, vale ressaltar a relevância de sites que apresentam as principais notícias sobre a data e, inclusive, sobre outros assuntos relevantes, como e-commerce, decoração, segurança, viagem e alimentação.

O Universo de Negócios é um portal on-line que apresenta uma série de conteúdos a respeito desses temas, funcionando como um divulgador de notícias e também como uma opção relevante para quem deseja se manter informado de maneira eficaz e ágil.

 

POsts Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *